Buenos Aires, quanto levar em dinheiro? Tem ideia?
.
Como se sabe, a moeda corrente na Argentina é o peso argentino que, diga-se, já faz um tempo que vale menos que o real daqui do Brasil.
.

E, sendo Buenos Aires um destino muito procurado pelos brasileiros, é comum a dúvida sobre o quanto levar em dinheiro para gastar no destino.

Pensando nisso resolvi escrever esse post, para dar algumas ideias a quem está com viagem marcada para lá, do que levar em consideração na hora de fazer essa conta.

Nota De Peso Argentino

Nota de peso argentino

imagem: exame.abril

Buenos Aires quanto levar? O que devemos considerar para essa conta?

.
Isso é um tema complicado na medida em que varia muito de pessoa para pessoa, pois o que pode ser barato para mim pode não ser para você e vice versa.
.
O valor que eu posso considerar um “bom gasto” em uma viagem econômica, para você pode ser um gasto extra e assim por diante…
.
Mas, de qualquer forma, existem alguns itens básicos a serem considerados para fazer essa conta e ter uma noção de valores.
.

1- Considerar o tempo de sua estadia

Uma das coisas a serem consideradas nesse cálculo para saber o quanto levar para Buenos Aires é pensar no tempo da sua estadia.
.
Vai ficar quanto tempo por lá? 3 dias? Uma semana?
.
Essa pergunta é indispensável de se fazer antes de viajar e para ajudar na matemática do “quanto levar”, sendo que a melhor forma que se tem para se chegar a algum valor, é pensar no quanto se pretende gastar por dia.
.
E isso, como mencionei acima, vai variar do tipo de viagem que está pretendendo fazer, se econômica ou não, por exemplo.

2- Os tipos de passeios e restaurantes

.
Outra coisa a se considerar são os passeios que pretende fazer no destino e os restaurantes que quer frequentar.
.
Passeios existem desde gratuitos a muito caros e isso, logicamente, vai alterar o seu orçamento.
.
Um simples show de tango, por exemplo, que é super tradicional de se fazer em Buenos Aires, está atualmente (2019) no valor aproximado de U$ 50,00 (cinquenta dólares).
.
Em questão de restaurante não é diferente na medida em que de tudo quanto é tipo você vai encontrar na capital – desde os bem caros até o trivial Mac Donald´s.
.
Sabendo previamente, ou mesmo tendo uma ideia, do custo dos passeios que fará e lugares que pretende frequentar para comer, ajudará você a chegar num resultado, ainda que aproximado.
.

3- Viajar para passear ou comprar?

.
Buenos Aires já teve época em que valia a pena trazer um monte de coisas, pois os preços compensavam em relação ao Brasil.
.
Porém, hoje em dia não está mais assim, não sendo mais um destino para o qual as pessoas viajam pensando nas compras.
.
Assim sendo, tenha foco nos passeios e traga alguma coisa de lá apenas se estiver precisando mesmo ou valer a pena.
.

4- Como vai se locomover?

.
Outra consideração a se fazer no momento da sua conta é o meio de transporte que vai utilizar para andar de lá para cá em Buenos Aires.
.
Os táxis são baratos de uma maneira geral pois existem muitos, mas é certo que além deles os ônibus e metrô também estão por lá e que facilmente vão te levar ao lugar pretendido.
.
Você também tem a opção de alugar um carro para percorrer por todo o destino, inclusive arredores como Montevideo, no Uruguai e Colônia do Sacramento.
.

Ideia de valores em 2019 para ônibus e metrô:

– ônibus – 13,00 pesos argentinos;
– metrô – 19,00 pesos argentinos.
.

Os meus gastos em Buenos Aires

Em uma permanência de 01 semana, R$ 500,00 (equivalente a 1.170 pesos) – NA ÉPOCA DA MINHA ÚLTIMA VIAGEM – foi mais que o suficiente para locomoção em táxi, ônibus ou metrô, pagar algumas visitas em museus ou mesmo um fast food na esquina e ainda sobrou dinheiro.

TRAZENDO ESSES VALORES PARA OS DIAS DE HOJE – 2019 – a quantia de R$ 1.300,00 ou U$ 334,00 – para o casal, durante 7 dias em Buenos Aires, numa viagem econômica, dará conta de cobrir as despesas que mencionei acima.

Mas e a matemática diária que mencionou acima?

Sim, chegamos ao valor de U$ 50,00 (cinquenta dólares) aproximados como gastos por dia e por pessoa numa viagem econômica.

Fora isso, outros gastos aconteceram e foram pagos no cartão de crédito.

Pagar em cartão de crédito ou em dinheiro?

.
O cartão de crédito internacional é aceito praticamente em todos os lugares de Buenos Aires, de restaurantes a lojas, sendo que muitas vezes você pode direcionar os seus gastos a ele.
.
Eu sou adepta a usar o cartão de crédito em viagens, considerando um coringa capaz de socorrer a qualquer momento, independentemente do IOF que vem na fatura.
.
Mas, se podemos economizar, porque não fazer, não é mesmo?
.
E é lógico que pensando nisso sempre viajo com alguma quantia em dinheiro, em espécie, mesmo porque existem lugares onde não é aceita outra forma de pagamento.
.
O dinheiro na capital argentina é indispensável para pagar as corridas de táxis, por exemplo.
.

Levar real, dólar ou pesos argentinos?

.
A economia em Buenos Aires é dolarizada, o que significa dizer que as coisas por lá sofrem variação conforme o dólar, sendo essa moeda, portanto, plenamente aceita nos estabelecimentos.
.
O real também é aceito por lá, mas não é em todo lugar.
.
Quando estive em Buenos Aires da última vez eu levei um pouco de cada – real, dólar e pesos – além do meu amigo “cartão de crédito”.
.
Acho que ter essa “liberdade” em escolher na hora de pagar é um bom negócio, na medida em que dá para irmos fazendo a conta do que está valendo mais a pena se pagar com o que.
.
De qualquer forma, penso que atualmente – nesse ano de 2019 – o melhor negócio seja levar o dólar para o gasto no destino.
.

Trocar a moeda aqui no Brasil ou em Buenos Aires?

.
Acho importante a gente já sair do país com alguma quantia em dinheiro na moeda local, ainda que você esteja pensando em trocar um pouco mais do que aquilo que esta levando quando chegar no país hermano.
.
Isso é básico de se considerar para qualquer eventualidade, sendo sempre prudente ser prudente!!
.
Agora, atenção ao ocorrido e a dica:
.
Eu quis me garantir antes de viajar e fiz a troca da moeda aqui no Brasil, achando que tinha feito um ótimo negócio pois peguei uma cotação boa em relação ao peso.
.
Para minha surpresa, ao chegar em Buenos Aires, vi que se tivesse deixado para fazer a troca por lá teria ganhado quase que 15% a mais sobre o valor que consegui no Brasil!!!! (ai que raiva!!!).
.

E o câmbio pode ser feito logo na chegada a Buenos Aires, no Banco de La Nacion, que você vai encontrar no momento do seu desembarque no Aeroporto Ezeiza.

Muita gente não concorda com isso, dizendo que não pegou um câmbio bom por lá, mas no meu caso foi exatamente ao contrário, sendo óbvio que quando eu voltar a Buenos Aires, farei por ali a troca.
.
E você? Qual a dica que dá para se calcular o quanto levar em dinheiro para Buenos Aires?
.
.

.

E salve essa dica no seu pinterest:

Quanto levar em dinheiro para Buenos Aires?

Quanto levar em dinheiro para Buenos Aires?

CHECK LIST DE VIAGEM – PLANEJE TUDO POR AQUI

Resumo
Buenos Aires: quanto levar em dinheiro?
Nome do artigo
Buenos Aires: quanto levar em dinheiro?
Descrição
Buenos Aires: quanto levar em dinheiro? Vai para a capital argentina e não sabe o quanto levar? Dicas do que considerar para fazer essa conta
Autor
Publicado por
Andrea - Top 5 Tour