Pois é gente….nada interessante né?


Não gostaria de escrever a respeito disso mas….. “é o que tem pra janta”, então vamos entender um pouquinho o que mudou…


O Governo Federal, no final de 2013, aumentou a taxa de IOF, Imposto sobre Operações Financeiras, sobre os cartões pré pagos, que utilizados pelos turistas no exterior.


A alíquota mudou de 0,38% para 6,38%….fala sério!!!! Sim, o Governo está falando sério, só restando a nós aceitar e tentar utilizar do mais vantajoso em nossas viagens…


E, o que é mais vantajoso?


Bom, a opção “dinheiro vivo” – compra da moeda estrangeira – é o que continua mais barato, pois, independentemente da cotação, a alíquota permanece 0,38% incidente na hora da compra.


Considero ainda, com essa mudança, a opção “cartão de crédito” mais interessante que o “cartão de débito”.


Sim, exatamente……..e isso pois agora a alíquota de ambos os cartões equivale a 6,38%.


Pense o seguinte: em questão de segurança os dois cartões, crédito e débito, permitem o bloqueio no caso de perda ou roubo porém, a utilização do cartão de crédito internacional, em qualquer lugar do mundo, como digo neste post, reverte em benefícios ao usuário.


Ou seja, já que pagaremos o mesmo valor de imposto, bora acumular mais milhas (um dos benefícios do cartão de crédito) para outras viagens, certo?!


Dessa forma touristas, vamos ficar atentos a essas informações para que a viagem não saia mais cara desnecessariamente ou de dentro do previsto, combinado???!!!!

v

Confira mais algumas perguntas e respostas sobre o tema no Site da Folha de São Paulo