E já estou eu aqui de novo falando do que?

Navio, claro!

E, porque? cri cri cri…. difícil adivinhar.

Acabei de voltar da minha primeira experiência em travessia, como contei, de leve, nesse post aqui e agora vou falar um pouquinho mais do navio e dessa viagem incrível que foi.

Por do sol durante a travessia – navio Monarch, Pullmantur

Fechei um cruzeiro de 14 noites com a Pullmantur, no navio Monarch, sendo minha primeira experiência com essa Cia Marítima e com travessia rumo a Europa.

Embarquei no navio em Cartagena das Índias, na Colômbia, passando pelo Caribe – St. Maarten e St. Johns, Antigua – Ilha da Madeira/Funchal, em Portugal, e com destino final e desembarque em Lisboa (eita terrinha boa).

O Monarch não é o maior navio da frota Pullmantur, tendo capacidade para, aproximadamente, 2800 passageiros e 800 tripulantes, com cabines internas, externas e com varandas (essas últimas em número menor do que outros que embarquei).

Simplesmente amei a minha experiência a bordo do Monarch e o cruzeiro que fiz.

Como todos os navios, são várias as opções de entretenimento e nesse não foi diferente, com cassino, bares, restaurantes (a la carte e self service), baladas, paredes de escalada, shows no teatro (que, por sinal, gostei muito e assisti a quase todos), academia de ginástica e 2 jacuzis.

Piscina – Monarch

Monarch – Pullmantur

Bar e Cassino – Monarch, Pullmantur

Parede de escalada – Monarch

Monarch – Diversão para todas as idades

                 

Um pouquinho da balada no Monarch

Os cruzeiros da Pullmantur, de uma maneira geral, fecham pacotes com o sistema all inclusive, ou seja, não somente a comida está embutida no preço, como também as bebidas, desde refrigerantes e cafés (expresso e muito bom), até vinhos, coquetéis, licores, dentre várias outras opções.

A bordo do Monarch os navegantes ainda contavam com a opção de um upgrade no all inclusive de bebidas. Pagando mais 5 ou 10 dólares por dia, você tinha acesso a um cardápio especial delas, como um vinho mais top ou wisky mais velho por exemplo mas, sinceramente, não vi qualquer necessidade em adquirir, tamanha a variedade que já estava no pacote original.

Uma pausa para o meu “blue lagoon“, que era meu companheiro de quase todas as noites, coquetel esse que eu pedia para adicionar pina colada mix (uma espécie de leite condensado mais líquido) e ficava simplesmente um espetáculo da terra (no mar).

Coquetel Blue Lagoon – Monarch

Blue Lagoon (o meu): vodka + blue curacao + suco de abacaxi + pina colada mix.

Além disso, todas as compras feitas dentro do Monarch, desde o pacote de internet até os badulaques e perfumes nas lojinhas, puderam ser parceladas em até 5 vezes (o que o brasileiro ama também de paixão).

Sempre falo que viajar de navio é estar dentro de um resort flutuante que te leva para vários lugares e, nessa viagem, os meus destinos foram incríveis (contarei depois) e a bordo de um navio que me apaixonei de verdade.

É um barquinho que curti muito e que pretendo navegar novamente e em breve, recomendando, sim, a todos os meus touristas.

E você? Já navegou com o Monarch? O que achou?

Pine essa ideia no seu Pinterest:

Conheça o Navio Monarch da Pullmantur

Conheça o Navio Monarch da Pullmantur

Bora viajar com o Top 5 Tour?

É só clicar nos links dos parceiros do blog aqui embaixo, que você acessa os serviços com tranquilidade, não pagando nada mais por isso.

Hospedagem: Booking.com

Seguro de viagem: Seguros Promo