Paris: o jantar na Torre Eiffel – Restaurante 58

Que tal um jantar na Torre Eiffel? Ou um almoço?

Nada mal, não é mesmo?!

Torre Eiffel, cartão postal em Paris, que dispensa apresentações ou mesmo indicações de passeios por lá.

Para quem não sabe existe opções para um programa além da trivial subida na Torre e aquela olhadinha básica da cidade luz lá de cima.

E qual é esse programa?

Exatamente o título do post, que fala sobre o jantar na Torre Eiffel, mas outras opções existem para esse tipo de curtição.

Almoçar ou Jantar na Torre Eiffel, passeio imperdível em Paris

Existem alguns restaurantes na Torre Eiffel que dispõe desse tipo de experiência aos “touristas”, podendo você estar ali para curtir uma refeição em qualquer momento do seu dia, seja almoço, coquetel ou mesmo um jantar mais tarde da noite.

É algo muito bacana para se fazer por lá.

Menu Restaurante 58 na Torre Eiffel em Paris
Menu Restaurante 58 na Torre Eiffel em Paris

Conhecendo os restaurantes para almoçar ou jantar na Torre Eiffel

 

Opções de restaurantes na Torre:

  • Restaurante 58 (58 Torre Eiffel) – localizado no 1º andar;

  • Le Jules Verne – alta gastronomia que fica no 2º andar;

  • Bar de Champagne no 3º andar;

  • Les Buffets – comidas rápidas e está localizado no no térreo, 1º e 2º andar.

 

Há ainda no 1º andar da Torre o Gustave Eiffel Salon, que se trata de um espaço criado para eventos e seminários.

O jantar na Torre Eiffel para ver Paris a noite de cima

Quis experimentar da vista a noite e ao mesmo tempo degustar de um menu francês num local especial então, bingo, bora reservar algum jantar na Torre Eiffel.

A minha opção foi pelo Restaurante 58, no horário das 21 hs. (disponível também no horário das 18:30 hs.) e a reserva foi feita pelo site (link abaixo).

Sim gente, é necessário reserva, principalmente se a sua busca for pelo jantar, tamanha a procura, apesar de ter o preço salgado.

Clique aqui, escolha o seu restaurante e faça a reserva.

Para o jantar no Restaurante 58 há 03 tipos de menus, com valores equivalentes a $87,00, $99,00 e $119,00 euros (confira a disponibilidade e preços quando da sua reserva).

Optei pelo menu intermediário, que também incluía no preço o elevador para a subida ao local, mesa no salão principal, couvert, água, vinho, entrada, prato principal e sobremesa.

Após a reserva feita você receberá um e-mail com a confirmação e informações práticas de como chegar ao local, tendo como recomendação que se chegue com antecedência de 30 minutos.

A chegada antecipada é necessária pois há fila para pegar o elevador e subir na Torre, bem como para adentrar ao restaurante, vez que temos que aguardar o metre que direciona para a mesa reservada e assim faz com todos.

OBS: para pegar o elevador, quem tem reserva no restaurante “passa na frente” dos demais que só vão subir na Torre para conhecer.

O que vestir para jantar na Torre Eiffel? 

È recomendado traje social para o jantar e as pessoas obedecem a sugestão.

Não vi ninguém de shorts ou bermuda, porém, sim, de calça jeans, mas com um blaser por cima, o que acabava por garantir o “casual chic”).

A minha experiência jantando na Torre Eiffel no Restaurante 58

Enfim, no primeiro andar cheguei e, antes de tudo, necessário apreciar a vista lá de cima, o chão de vidro da Torre e o horário das 21 hs. da noite com o dia ainda claro.

Vista do 1º andar da Torre Eiffel
Vista do 1º andar da Torre Eiffel
Chão de vidro da Torre Eiffel
Chão de vidro da Torre Eiffel
Restaurante 58, 1º andar da Torre Eiffel
Restaurante 58, 1º andar da Torre Eiffel

O Restaurante 58 possui um ambiente muito gostoso, aconchegante, com mesas próximas, a meia luz e com a vista que dispensa apresentações e comentários.

Restaurante 58 na Torre Eiffel em Paris
Restaurante 58 na Torre Eiffel em Paris

E o tal menu francês não fica atrás da beleza visual do lugar não…

Gostei absolutamente de tudo o que vi e comi, pois a comida, seja entrada, prato principal ou sobremesa, além de lindas e gourmets eram saborosas demais.

Como são servidos os pratos no jantar?

Os pratos são apresentados em 05 opções de cada item e que você escolhe logo no início qual vai degustar:

  • entrada;

  • prato principal;

  • sobremesa.

As minhas escolhas gastronômicas para o jantar na Torre Eiffel

Pratos Restaurante 58, Paris
Pratos Restaurante 58, Paris

Entrada – camarão com especiarias doces, abacate e sementes de româ com molho de salada.

Prato Principal – Peito de Pato frito, cenoura e ervilha ao francês, molho e suco real.

Sobremesa -Torre de chocolate crocante, brownie e creme.

Nada mal né?

O jantar terminou por voltas das 23:10 hs, sendo que a Torre Eiffel fecha as 23:30 hs.

Bora então tirar mais algumas fotinhos da vista lá de cima antes de descer e da Torre toda iluminada (sua linda!!!).

Vista de Paris a noite - 1º andar da Torre Eiffel
Vista de Paris a noite – 1º andar da Torre Eiffel
Torre Eiffel - Paris
Torre Eiffel – Paris

Eu simplesmente amei o passeio (apesar de caro) e considero como uma experiência única, válida e inesquecível, que recomendo a todos, esteja você comemorando uma ocasião especial ou não.

Afinal de contas, estar em Paris já é especial, não é mesmo?!

Clique aqui para conferir outros passeios por Paris e garantir o seu ingresso “sem fila”.

E aproveite para reservar a sua hospedagem por lá. Basta clicar aqui.

E você? Já jantou por lá? Qual restaurante escolheu e o que achou dele? Conta pra gente nos comentários ok?

Pine essa ideia:

Paris - Jantar na Torre Eiffel
Paris – Jantar na Torre Eiffel

Compartilhe este post:

30 comentários em “Paris: o jantar na Torre Eiffel – Restaurante 58”

  1. Olá Andrea, maravilhoso o seu post. Aproveitando todo o seu conhecimento, gostaria de lhe perguntar se é possível jantar no restaurante do 1º andar sem reserva. Imagino, claro, aguardando em alguma fila. Tentei fazer a reserva, mas não há mais vaga para o período que estarei em Paris. Desde já agradeço pela atenção. Juliana.

    • Oi Juliana, que bom que gostou…fico feliz!!
      Infelizmente só conseguimos almoçar ou jantar no restaurante mediante reserva…
      Tente reservar o almoço pois normalmente é menos concorrido e com certeza tb vale super a pena!!!
      Boa sorte e uma ótima viagem…

  2. Olá Andrea! Parabéns pelo post, o mais esclarecedor de varios que li sobre o assunto!
    Vou em Dezembro, como escurece muito cedo, marquei meu jantar para as 18:30. Quero ir mais cedo para subir no último andar antes do jantar! Como posso proceder? Tenho que comprar uma entrada para mais cedo separadamente ?

    • Que bom que gostou do post Estela, fico feliz!
      O jantar na Torre Eiffel te dá direito a subir até o andar do restaurante apenas… e então, se vc for até o topo, terá que comprar uma subida separada sim. Chegue lá com antecedência e suba com calma para aproveitar a vista calculando o horário do jantar para a volta… Aproveite pois vale muito a pena.

  3. Bom dia Andrea!
    Vou para Paris no final de abril e estou na duvida se reservo no restaurante 58, para 18:30 ou 21h, por causa do tempo que sobraria para subir o resto da torre, depois do jantar. Minha duvida é que se escolher as 18:30, sobra tempo depois, mas durante o jantar ainda vai estar dia claro , ja que o por do sol será as 21h nesta epoca. Sera que o fato de estar o dia claro ainda, tira o charme do restaurante ? E se eu escolher a mesa com a vista para o Trocadero, sera que o sol nao invade e incomoda? Se puder me ajudar, agradeço!

    • Olá Debora…
      Eu particularmente acho o jantar das 21hs mais bacana…
      Vc pode fazer o contrário, chegue mais cedo e suba na Torre, descendo depois ao restaurante para o jantar – após o jantar das 21hs vc não vai conseguir subir pois a Torre fecha (ou vai ficar com o tempo bem curto para isso).
      Qto ao jantar das 18:30hs. não acho que perde o charme por ainda estar sol (eu jantei as 21hs e quando cheguei no restaurante ainda estava sol e achei tudo lindo…rs.) e se ele refletir diretamente na sua mesa, cortinas estão disponíveis para serem baixadas (ainda que parcialmente para não perder a vista dessa cidade incrível, que é linda de dia, de noite e por todos os lados – vc vai ver!!!).
      Espero ter ajudado…depois me conta como foi o seu jantar!!!
      Boa viagem e aproveite.

  4. Pelo conjunto da obra com certeza vale a pena, comer pra essa vista é algo que não têm preço, aquelas coisas que a gente lembra pro resto da vida. Os pratos estão com uma cara ótima e já que você disse que também estava delicioso, já aumentou minha vontade.

    • Sim, claro….uma vez só na vida não faz mal a ninguem não é mesmo…e ainda com uma recordação incrível do momento. Eu curti e recomendo. Bj.

  5. Que bacana deve ser a experiência! É uma das coisas que ainda quero fazer na vida. A comida tava com uma cara fantástica, mas essa vista ganha pontos em cima de qualquer restaurante super estrelado, sem muito esforço! 🙂

  6. Que legal saber um pouco mais dessa experiência. Já tinha ouvido falar mas o relato e as fotos me deram uma ideia melhor de como seja o restaurante. Acho que pelo fato de ser na torre Eiffel acaba valendo o investimento, pelo menos para uma ocasião especial com alguém especial né. Um abraço

    • Sim, claro…é o que eu disse: é uma coisa cara para se fazer (considerando o valor do euro) mas que vale muito a pena sim, afinal de contas não é em todo o final de semana que estaremos lá né? Super bj.

  7. O que você achou do atendimento? Da recepção e dos pratos? Tem realmente sabor e aquele charme e fama da comida francesa? Quando acaba a refeição, eles fazem aquela pressão pra você sair, ou você fica a vontade? Fiquei curiosa, mas achei muito caro para o que era. E pensei se realmente valia a pena.

    • Boas perguntas Sabrina. Gostei do atendimento, recepção e pratos sim e achei que valeu o investimento pois não é a toda hora que faremos isso certo?! Também não me senti pressionada por ninguém a sair do local, apenas por mim mesma pois sabia que a torre fecharia as 23:30 hs., mas, como disse no post, terminei o jantar as 23:10 e numa boa, sem qualquer correria para comer ou sair do local. Obrigada pela visita. Bj.

  8. Andrea, muito obrigada por compartilhar essa experiência conosco. Minha mãe veio me visitar em maio e pensei muito em levá-la nesse jantar, mas como não achei muita informação confiável na internet pra saber se valia a pena ou não, acabamos dispensando o passeio (já que é bem caro né?). Apesar disso, ainda fiquei morrendo de vontade e curiosidade e que gostaria de ir com meu marido qualquer hora… Agora que vi sua recomendação já decidi que vou apostar e pagar pra ver assim que dermos um pulinho em Paris (moramos à 1h30 de lá). 🙂

    • Ai que delícia morar apenas 1:30 de lá (invejei…rsrs). É uma experiência cara mas que vale sim a pena Nikki e fico feliz em saber que de alguma forma colaborei para vc desfrutar desse momento único. Depois me conta o que achou ok? Bjs.

Deixe um comentário